Homem com gordura visceral.

SEGREDO REVELADO: COMO ELIMINAR GORDURA VISCERAL

Fala, gente fina! A dúvida de como eliminar a gordura visceral é muito comum entre homens e mulheres que querem perder barriga! A verdade é que saber a maneira correta de como eliminar gordura visceral pode poupar você de perder tempo e dinheiro com fórmulas mágicas ou métodos ineficientes.

Eu costumo dizer que não existe uma tal fórmula mágica para diminuir gordura, aumentar músculos ou quem sabe até uma estratégia exata de como eliminar gordura visceral.

Acredito que existem caminhos que, quando bem aplicados, podem promover resultados incríveis e atingir o tão sonhado emagrecimento e perda de gordura nesta região também!

EMAGRECIMENTO

Já temos diversos estudos indicando o emagrecimento como a solução para diversos problemas de saúde. Porém, muitos relacionam o emagrecimento apenas com estética e isso é um perigo. Muitos inclusive, fazem uso abusivo de medicamentos na expectativa de emagrecer.

No banco de dados do Google podemos perceber que palavras como: eliminar gordura visceral, como perder barriga, remédio para emagrecer, como secar barriga rápido e outras tantas relacionadas são bem comuns.

Porém, mesmo com a crescente busca sobre emagrecimento e estratégias para perder a barriga, a obesidade tem aumentando de maneira absurda em nosso país.  

Acredito que você deve se preocupar com a sua estética, afinal de contas, de alguma forma isso mexe muito com a nossa autoestima, porém muito mais que a estética eu quero te animar a se preocupar com a sua saúde, antes de tudo!

Imagem contendo a frase: Sua saúde em primeiro lugar.

DIFERENÇA DE GORDURA VISCERAL E SUBCUTÂNEA

Muitas vezes, nos preocupamos com a redução de uma gordura que é pouco nociva para a nossa saúde, a gordura subcutânea. Essa gordura, na verdade tem muito mais relação com a estética do que com sua saúde.

A gordura subcutânea é muito simples e fácil de identificar. Ela é a gordura que você consegue apertar. Ela fica entre o seu músculo e a pele e é fácil de ser apalpada.

Mulher apertando a gordura subcutânea da barriga.

A distribuição e o acúmulo desta gordura têm relação com alguns fatores, como: Idade, sexo, carga genética e outros.

Geralmente, mulheres acumulam essa gordura em regiões como quadril, coxa, tríceps e, em alguns casos, na região abdominal. Enquanto os homens têm uma maior facilidade e frequência de acúmulo desta gordura na região abdominal, chegando até a confundir com a visceral.

Porém, você não vai mais se confundir! Agora você aprendeu como identificar uma gordura subcutânea, não é?

Neste momento, quero que você entenda sobre a gordura visceral, afinal não é bom você apenas saber como eliminar gordura visceral, sem saber o que é e quão importante é eliminar a gordura visceral e colocar em prática.

Afinal de contas, saber sem colocar em prática não tira barriga de ninguém, correto?

A gordura visceral fica atrás dos músculos e se encaixa entre os órgãos.  Esse tipo de gordura aumenta a inflamação dos órgãos, gerando prejuízos para a sua saúde.

Imagem mostrando gordura visceral, músculo e gordura subcutânea.

Para identificar este tipo de gordura também é bem simples. Ela deixa a barriga mais dura como se fosse uma bola mesmo. Não sei se você já ouviu essa expressão, mas falam que é a famosa: “barriga de Chopp”.

Outra característica da gordura visceral é que a pessoa fica meio que em forma de maçã. Parece que a barriga está desproporcional ao corpo.

GORDURA VISCERAL: COMO SABER SE VOCÊ ESTÁ EM RISCO

Existe uma estratégia simples e fácil para você identificar como está a sua gordura visceral e começar a tomar os devidos cuidados.

Você pode usar uma fita métrica normal! O ideal é usar uma profissional que a medida é toda certinha, mas como é pra você fazer em casa só para ter uma noção, pode usar a de costura mesmo.

Fique em pé e meça o tamanho da sua barriga uns 3 dedos acima da cicatriz umbilical mais ou menos.  E agora é só comparar com os dados que eu vou te dar abaixo:

Homens:

Circunferência aumentada ≥ 94

Existe algum risco de você desenvolver doenças coronarianas. Você precisa se cuidar, certo? Mas, tudo bem o seu caso ainda não é tão arriscado.

Aumentada substancialmente ≥ 102

Olha, se estiver assim você precisa começar a se cuidar com muita urgência. Eu não gosto muito de fazer terror, mas essa é a mais pura verdade. Se você não se cuidar, você estará se expondo a risco de desenvolver doenças.

Mulheres:

Circunferência aumentada ≥ 80

Tudo bem! Deu um valor aumentado, mas nada de desespero. Você consegue! Basta se organizar direitinho, seguir as dicas que vou te dar que esse valor é fácil de ser mudado, tá ok?

Aumentada substancialmente ≥88

Agora não ficou tão legal! Realmente, você precisa se cuidar! Você não pode deixar de cuidar da sua saúde. Infelizmente, você se permitiu chegar a um ponto de risco e precisa se cuidar agora!

A GORDURA VISCERAL AUMENTA O RISCO DE DOENÇAS COMO:

  • Diabetes;
  • Hipertensão;
  • Doenças cardiovasculares;
  • Síndrome metabólica;
  • Demência;
  • Doenças ósseas
  • E outras…

E AGORA O QUE FAZER?

Eu não quero que você fique com essa preocupação sem te oferecer uma solução. Porém, preciso te alertar que esses dados que eu te disse acima e te ajudei a medir são alguns dos testes que faço com meus clientes.

Isso funciona muito bem para direcionar o programa de treino da maneira correta e até ter segurança na hora da prescrição do treino.

Então, se suas medidas foram equivalentes as que eu indiquei acima, você precisa, antes de mais nada, procurar um médico para saber o real estado da sua saúde.

Na verdade, mesmo que suas medidas tenham dado abaixo do indicado, eu te recomendo fortemente procurar um médico, para que ele te libere à prática de exercícios.

Desta forma, você não coloca em risco a sua saúde e seu treino pode ser feito com mais segurança. Algumas pessoas não sabem, mas para que o treino seja eficiente, a segurança deve estar em primeiro lugar!

COMO ELIMINAR A GORDURA VISCERAL COM EXERCÍCIOS

Muitas coisas e dicas já foram testadas como estratégia para diminuir a gordura visceral. No entanto, poucas têm se mostrado realmente efetiva.

Um dos equívocos mais comuns, quando pensamos em exercício e redução de gordura abdominal, é tentar diminuir a gordura visceral com exercícios localizados para a região.

Isso, na verdade é o que mais escuto e vejo! Você nunca ouviu alguém dizer: “Vou fazer abdominal para tirar essa barriga!” Isso é puro engano!

O que você precisa entender é que o exercício localizado não vai reduzir gordura de nenhum segmento.  Não adianta você fazer mil abdominais, para tirar a barriga que não vai tirar!

Imagem mostrando que exercício abdominal não tira gordura visceral.

Não é apenas com exercícios abdominais que muitos tentam “queimar” gordura localizada. Talvez você se identifique com que vou falar abaixo e vai até rir!

Algumas pessoas tentam reduzir gordura localizada em outras regiões também, como tríceps, quem nunca tentou fazer diversos exercícios de tríceps para “queimar gordura do músculo do tchauzinho”?

Inclusive, eu fiz um POST falando como definir os braços. Se você ainda não viu CLIQUE AQUI e confira!

Sabe outro local que é muito comum, principalmente entre as mulheres? Tentar fazer exercícios localizados para “tirar culote”! Rsrsrs!

Mas, enfim!  Quem nunca tentou tirar alguma gordurinha e nunca fez algum exercício localizado que atire a primeira pedra! Rsrsrs!

A verdade é que esse tipo de exercício trabalha a musculatura e não a gordura. Então, por mais que você tente com exercícios localizados “queimar gordura localizada”, isso não acontecerá!

COMO FAZER PARA ELIMINAR GORDURA VISCERAL COM EXERCÍCIOS?

Diante de tantas dúvidas sobre como eliminar a gordura visceral e com os riscos que essa gordura oferece para a saúde, pesquisadores têm investido em entender qual a melhor estratégia para eliminar esta gordura.

Além disso, o que os achados científicos têm sugerido vai totalmente contra o que muitos pensam a respeito de reduzir gordura abdominal.

Uma coisa que preciso que você entenda é que a queima de gordura acontece em seu corpo de maneira integrada. Quando você está em um processo de emagrecimento, seu corpo inicia o processo de redução de gordura de maneira geral!

A maneira e o segmento que haverá maior queima de gordura tem uma relação direta com fatores hormonais e carga genética. Porém, alguns estudos têm indicado que a melhor estratégia, em relação a exercício, para diminuir gordura visceral é o treinamento de alta intensidade.

Pernas correndo na esteira.

Quando falamos em alta intensidade algumas pessoas têm receio, pensando que não conseguirão treinar em alta intensidade. Por isso, eu vou te explicar algumas coisas em relação a isso e como aplicar na sua rotina de maneira segura.

Que fique bem claro: o que vou te ensinar não é a única estratégia, mas é a que temos visto como tendo bons resultados em relação à redução de gordura visceral.

Para diminuir esta gordura, temos visto que o treinamento aeróbico de moderada intensidade também tem mostrado bons resultados, em relação a redução desta gordura. No entanto, o treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT) tem sido muito mais eficiente neste processo!

O treinamento HIIT é composto por momentos de tiros que podem ser curtos ou longos, seguidos por momentos de recuperação entre cada tiro. O que vai ditar a duração do tiro e do descanso é a intensidade imprimida no momento do tiro.

Para o treinamento ser considerado HIIT, no momento do estímulo, a intensidade deve ser de pelo menos 85% da sua velocidade máxima do Vo2, podendo chegar a estímulos de até 120% da velocidade máxima do Vo2!

É justamente no intervalo dessas intensidades que se deve treinar, mas o tempo de estímulo vai depender justamente da intensidade que você aplicou.

Existem algumas maneiras de prescrever esse treino: pode ser pela escala de Borg; por meio da frequência cardíaca máxima; pela frequência cardíaca de reserva ou através da velocidade máxima do Vo2.

Dentre essas maneiras a que eu prefiro aplicar com meus clientes é a prescrição pela Velocidade máxima do Vo2. No entanto, essa exige alguns cálculos um pouco mais avançados.

Então, eu vou te explicar de maneira simples como fazer um treino HIIT com objetivo de eliminar gordura visceral, tá ok?

Em primeiro lugar, você precisa saber a sua frequência cardíaca máxima. Existem algumas fórmulas para predizer a sua frequência cardíaca máxima, mas iremos utilizar uma bem simples e aceita pelo  American College of Sports Medicine (ACSM).‎

FÓRMULA PARA CALCULAR FCMAX.

FCmax. = 220 – Idade

Por exemplo: Vamos supor que você é uma mulher de 27 anos e quer saber qual a frequência ideal para você treinar. Você fará o seguinte cálculo:

Fcmax = 220 – 27

Fcmax =  193 Bpm

E aí, calculou?

Maravilha! Agora que você já tem a sua frequência cardíaca máxima, eu vou te ensinar como aplicar este resultado em seu programa de treino e diminuir a sua gordura visceral.

HIIT PARA DIMINUIR A GORDURA VISCERAL

Existem diversas maneiras e métodos de HIIT. Eu vou te ensinar um método de estímulo longo, porque fica melhor para controlar por meio da frequência cardíaca, tranquilo?

Então, o método que você vai fazer vai durar apenas 20 minutos!

APENAS 20 MINUTOS DE AERÓBICO!

O método consiste em 5 tiros de 2 minutos, correndo na frequência cardíaca de 80 a 85% Fcmax, por 2 minutos de caminhada bem leve.

De acordo com o cálculo que fizemos anteriormente ficará assim:

5 x (2’ x 2’) (154 a 164 Bpm x Caminhada leve)

Ou seja, 5 tiros de 2 minutos com a frequência cardíaca entre 154 a 164Bpm por 2 minutos de caminhada bem leve.

Essa é uma excelente estratégia para quem quer diminuir gordura visceral.

Ah! Eu tenho um vídeo no meu canal falando sobre este tema! Confere…

UM ERRO COMUM

Eu preciso te alertar: No processo de emagrecimento existem outros fatores que estão envolvidos e um deles é a alimentação saudável.

Sacola com vegetais, folhas e frutas.

Eu conheço pessoas que tentaram emagrecer sem controlar a alimentação e não tiveram bons resultados.

Então, se você realmente quer eliminar a gordura visceral, comece a treinar da maneira correta e se alimentar adequadamente.

Você já conhece o meu Programa de Personal Trainer Online?! Tenha treinos personalizados e meu acompanhamento através deste Programa. Clique aqui e saiba mais!

CONCLUSÃO

Portanto, a gordura visceral é diferente da gordura subcutânea. Ela fica alojada entre os órgãos e o risco de desenvolver doenças, por conta do excesso de gordura visceral é muito grande.

Esse tipo de gordura é muito comum em homens e está localizada na região abdominal e não adianta fazer mil abdominais para reduzir esta gordura. Ou seja, você precisa diminuir a sua gordura de maneira geral!

Então, uma estratégia que tem mostrado bons resultados na redução de gordura visceral é o treinamento aeróbico utilizando o protocolo HIIT. Existem diversos protocolos de HIIT, mas você pode iniciar com um HIIT de intensidade mais moderada, como eu citei acima.

Além disso, uma alimentação balanceada é muito importante durante este processo!

O que mais te incomoda em seu corpo e como eu posso te ajudar? Responde aqui abaixo, certo?

Energiaaaa!

Leave a Reply

Your email address will not be published.Email address is required.